em Dicas

5 dicas de convivência em casa de família

Uma das formas de acomodação mais escolhidas entre os intercambistas, a casa de família oferece diversas vantagens para quem busca fluência em uma língua estrangeira e deseja conhecer uma nova cultura. No entanto, ela pode ter seu lado complicado. Morar com outras pessoas nunca é fácil, com uma família inteira que você nem conhece, então, nem se fala. Por isso, reunimos algumas dicas de como evitar que a sua estadia em uma casa de família se torne uma dor de cabeça.

5 dicas de convivência em casa de família

1 – Comunique-se

Antes de viajar, procure entrar em contato com a família que irá lhe receber, seja por e-mail, Skype ou Facebook. Converse um pouco e tente perceber o estilo de vida deles. Quando você já estiver no seu destino, preste atenção nas regras que a família irá lhe passar e já adiante qualquer coisa que eles deverão saber sobre você para evitar situações desconfortáveis ou até mesmo perigosas, como restrições religiosas, alguma alergia alimentar, sonambulismo, etc. A família que vai lhe receber provavelmente já recebeu diversos outros estrangeiros e está acostumada com costumes diferentes.

2 – Respeite

É importante ressaltar que casa de família é bem diferente de dormitório ou alojamento estudantil. Eles têm suas próprias regras, rotinas e costumes e, sem dúvidas, vão esperar que você respeite as suas peculiaridades.

Horário máximo para voltar para casa, uso e limpeza dos ambientes coletivos como cozinha, sala e banheiros, receber visitantes, barulho… Tudo isso varia de família para família. Algumas são mais restritas e outras mais liberais, mas é tudo uma questão de adaptação a um ambiente diferente do que você está acostumado.

3 – Limpe

Seja na cozinha, no banheiro ou na sala, deixe as coisas como encontrou. Se cozinhou alguma coisa, limpe o fogão, a bancada e lave a sua louça. Se foi tomar banho, cuide para não deixar cabelos no ralo e se for fazer a barba ou as sobrancelhas, cuidado para não deixar pêlos na pia. Não deixe suas coisas espalhadas pela casa, mantenha a sua bagunça no seu quarto.

Lembre-se de que a casa não é sua e tem outras pessoas utilizando os espaços, mesmo que a família não seja chata com isso. Ninguém gosta de chegar em casa e encontrar tudo sujo ou fora do lugar, né?

4 – Converse

Uma das partes mais legais de ficar em uma casa de família é conviver diariamente com nativos do país que você escolheu para o seu intercâmbio. Converse com eles, pergunte sobre sua cultura, história, folclore e compartilhe as suas histórias também. É uma ótima forma de praticar a língua do país e de conhecer um pouco do seu povo!

5 – Conheça o regulamento

Saiba com antecedência como funciona o regulamento oficial para casa de família com a agência e com a escola escolhida. Muitas vezes, caso haja algum problema com a família selecionada para você, existe a possibilidade de troca. Mas dê uma chance a eles. Só troque se a situação for realmente ruim, às vezes uma situação chata pode ser resolvida com uma conversa honesta.

Agora que você já tem essas dicas, é só entrar no site do Descubra o Mundo, escolher o seu destino e aproveitar ao máximo o seu intercâmbio!

Comentários

comentários