em Profissional

Como conseguir uma vaga de trainee: mostre seu diferencial!

Formar-se e ingressar no mercado de trabalho não é tarefa fácil.

O mercado está cada vez mais competitivo e mais diversificado, o que pode ser um tanto quanto complicado aos olhos dos mais jovens. Por outro lado, o leque de ofertas permite que seja possível explorar outras oportunidades, como conseguir uma vaga de trainee.

Em primeiro lugar, é preciso saber o que é ser trainee e entender bem quais são os pré-requisitos e os passos necessários.

Trainee é o nome dado aos funcionários formandos ou já formados que entram em uma empresa para um processo que mescla atuação e treinamento.

É mais ou menos parecido com um estágio, mas o treinamento é bem mais intenso e a atuação do trainee é bem mais ampla, além de o processo todo ser parte de um projeto estruturado e não de um cargo específico. Todo o processo dura entre 3 e 5 anos.

No entanto, o processo e o objetivo de ser trainee ainda é bastante desconhecido para muitos estudantes e até mesmo para os próprios recém-formados.

Pensando nisso, preparamos um guia para ajudar você a saber como conseguir uma vaga de trainee e engrenar de vez no mercado de trabalho. Confira!

Intercâmbio Institucional 728x90

Saiba mais: Curso de inglês para executivos que não tem tempo a perder

Como conseguir uma vaga de trainee?

Preparando o currículo

Primeiro, você precisa saber que as vagas não vão abrindo à medida em que são necessárias.

O que acontece é um processo, anual ou semestral, no qual interessados de todas as áreas indicadas concorrem. A primeira etapa de todos os processos de trainee é a análise de currículo.

  • Experiência acadêmica: Inclua todas as experiências acadêmicas. Iniciação científica, participação em uma empresa júnior, grupos de estudo, grupos de pesquisa, monitoria. Tudo isso deve entrar no seu currículo para demonstrar o seu percurso universitário. Se você participou de Congressos, seminários e outros eventos, também inclua. A autoria de trabalhos ou a premiação de painéis, artigos ou qualquer outro item também deve aparecer.
  • Experiência Profissional: é claro que ninguém espera que você tenha uma grande quantidade de experiências ao final do curso de graduação ou logo após a formatura. Porém, como conseguir uma vaga de trainee geralmente é um processo concorrido, vale a pena colocar tudo o que for possível para tornar o seu currículo destacado em meio aos demais. Por isso, coloque todas as suas experiências profissionais, como estágios, empregos, trabalhos de férias e afins. Até mesmo o que não é especificamente da sua área pode entrar, já que um dos objetivos da empresa é selecionar um profissional dinâmico e com diversas habilidades.
  • Fluência em idiomas: Hoje, apenas o inglês fluente já não é suficiente para se destacar. Por isso, caso você não tenha ainda esta habilidade, o modo mais fácil de conseguir isso é por meio de cursos intensivos, que você pode fazer nas férias, ou, de preferência, um intercâmbio no exterior, o que tem atraído cada vez mais brasileiros.
  • Organização: tome sempre o cuidado, no entanto, de especificar o cargo e período em que as experiências aconteceram, para que a empresa possa identificar bem toda a sua trajetória e o contexto de cada coisa.
Veja também: Quanto custa um intercâmbio de 6 meses? Menos do que imagina

Dinâmicas de grupo

A maioria dos processos seletivos tem como segunda fase a dinâmica de grupo. Ele processo é fundamental e por ser decisivo no resultado.

  • Destaque-se: se tiver uma ideia boa, exponha! Não deixe que outros candidatos falem em seu lugar ou cortem a sua fala. Você deve manter sempre a postura profissional, mas é preciso ter atitude e mostrar pró-ativo e capaz de atender aos objetivos da empresa.
  • Inove: não apresente ideias convencionais. Pode ser difícil ter pensamentos inovadores com a pressão do momento, mas empenhe-se. Procure ser o mais original possível e não tenha medo de errar.
  • Pondere: você precisa se destacar e se mostrar com capacidade de liderança, mas lembre-se que um bom líder é aquele que sabe aproveitar sua equipe. Por isso, saiba ouvir e congregue o máximo possível de ideias ao seu projeto inicial.
Confira: Curso de inglês rápido: 2, 3, 4 semanas? Você escolhe!

Entrevista

Essa etapa nem sempre acontece, mas tem se tornado cada vez mais a etapa final dos processos.

  • Networking: como conseguir uma vaga de trainee pode ser um desafio. Lmebre-se que você vai trabalhar de três a cinco anos na empresa. Por isso, faça sempre o melhor para manter uma boa relação com o profissional e fale de suas aspirações e objetivos. Mesmo que você não consiga a vaga, é sempre uma porta aberta.
  • Honestidade: seja sincero na entrevista. O entrevistador provavelmente é alguém com quem você vai conviver bastante se for aprovado. Por isso, não exagere em suas habilidades e, caso sinta alguma lacuna, aponte isso como uma área na qual você deseja mais conhecimento. Afinal, parte de ser trainne é aprender mais. Aproveite!
Veja também: Escolas de inglês nos Estados Unidos: alavanque sua carreira

Que tal dar aquela turbinada em seu currículo fazendo um intercâmbio que permite não só estudar o idioma, mas trabalhar também? Inclua uma experiência de trabalho internacional em seu currículo!

Baixe nosso e-book e saiba mais sobre isso: Intercâmbio Estudo e Trabalho

estudoetrabalho

Confira mais dicas para a carreira:

Comentários

comentários