em Inglaterra

Dicas de Londres: onde ficar para viver o melhor da cidade

Cabines telefônicas, família real, parques. Londres é considerada por muitos como uma das cidades mais atrativas e charmosas do mundo, e é conhecida por sua hospitalidade e diversidade.

Quando se vai a Londres, onde ficar é uma das mais maiores questões, já que existem atrações e opções agradáveis em praticamente toda a extensão da cidade.

Mesmo com a extensão dessa metrópole e com as vantagens que cada bairro oferece, não se preocupe com o deslocamento para locais que possam estar em outra região.

estrutura metroviária da cidade é uma das melhores do mundo e, por isso, locomover-se de um lado para outro não é tão complicado quanto parece à primeira vista.

Apesar disso, quando estiver em Londres, onde ficar é uma questão que vai depender bastante do seu estilo para que a estadia seja a mais agradável possível.

Pensando nisso, separamos três regiões com opções bem localizadas e que oferecem preços que se encaixam em diferentes orçamentos.

Confira as opções abaixo e comece agora mesmo a se programar.

Faça seu intercâmbio para Londres com a Descubra o Mundo.
Saiba mais: Estudar inglês na Inglaterra: conheça os TOP 10 intercâmbios!

Em Londres, onde ficar? Cheda de dúvidas!

Quem quer conhecer Londres de verdade, precisa tomar alguns cuidados ao escolher onde ficar. Por isso, confira estas dicas.

Centro da capital inglesa

Uma das principais vantagens de ficar hospedado na região central de Londres é a facilidade de acesso aos principais pontos turísticos e meios de transporte.

É possível ir a pé a diversos pontos ou andar de táxi e ônibus com bastante rapidez e facilidade.

Covent Garden:

Considerado um dos bairros mais famosos de Londres, o Covent Garden é local da agitação, boemia e badalação da capital inglesa.

O lugar oferece opções que vão desde hostels mais módicos até hotéis mais luxuosos. É a melhor opção para quem quer ficar no meio da agitação da cidade e aproveitar ao máximo a cena urbana da cidade

Soho:

O bairro Soho é praticamente uma extensão do Covent Garden e oferece as mesmas opções de hospedagem.

O destaque dessa região fica por conta da West End, onde estão localizados os principais teatros e onde acontecem a maior parte dos espetáculos da cidade.

Veja também: Conheça o transporte público em Londres

Bairros descolados e alternativos

Shoreditch:

Conhece a Vila Madalena, em São Paulo? O bairro é bastante visitado e conta com inúmeras opções de bares e eventos alternativos.

Está à procura desse estilo e quer saber em Londres onde ficar para encontrar isso? Hospede-se no bairro de Shoreditch.

Centros de compras de roupas e objetos únicos, food trucks em locais inusitados, bares e lanchonetes com decorações espetaculares são algumas das coisas que você vai encontrar por lá.

Camden Town:

Apesar de ser semelhante à Shoreditch em questão de estilo, Camden Town é bem mais tradicional e possui preços mais elevados.

É ideal para quem quer vivenciar o cenário alternativo de Londres sem abrir mão da tranquilidade e do conforto.

Tranquilidade e preços baixos

A melhor região para encontrar bons preços sem ficar em um local afastado é área que fica depois do Rio Tâmisa.

A região também é muito boa e oferece boas opções de transporte e comércio, assim como roteiros mais alternativos e menos conhecidos.

Tudo isso com a vantagem de ter a excelente vista pra o Tâmisa!

Southwark:

A região Sul do Tâmisa é um dos bairros mais antigos da cidade e, atualmente, é basicamente composta por prédios de escritórios e residenciais.

É uma região com hospedagem mais em conta, mas que pode ser bastante vantajosa se for localizada próxima ao Rio Tâmisa e a uma estação de metrô.

Southbank:

Localizado na mesma região, o Southbank é um pouco mais caro do que o Southwark, mas conta com mais opções de bares e baladas.

Se você quer uma região com opções de preços intermediários, vale a pena conferir esse bairro.

Confira: Quanto custa um intercâmbio para Londres? 1, 3 ou 6 meses?

Prioridade: estações de trem

Vai viajar de Londres para outros países ou cidades indo de trem?

A região é King’s Cross tem prioridade absoluta se o seu desejo for ficar próximo às estações.

Isso porque é de lá que saem as principais linhas que vão para distâncias maiores. A estação homônima é uma das maiores e mais conhecidas do país e recebe milhares de passageiros todos os dias.

Além disso, a estação de metrô também permite o acesso às demais linhas da cidade e garante que você irá se locomover com tranquilidade também para o centro, bairros e outras regiões de Londres enquanto estiver hospedado em King’s Cross.

Na dúvida: Londres ou Dublin: por que não as duas?

Se passa pela sua cabeça fazer um intercâmbio de inglês, mas ainda não está convencido de que Londres é o melhor lugar para ficar, pesquise escolas de inglês ao redor do mundo e escolha um lugar que é a sua cara:

Ferramenta de busca de curso de inglês no exterior.

Veja também estes depoimentos de intercambistas que escolheram Londres para ficar e fazer seus estudos de inglês:

Comentários

comentários

  • Conteúdo relacionado por Tag