em Geral

4 semanas na Clubclass Malta!

Hoje conversaremos com a Natália! Ela é de Florianópolis, trabalha como administradora e fez um intercâmbio de 4 semanas estudando inglês na Clubclass em Malta.

Olá Natália! O que te motivou a fazer um intercâmbio?

A minha maior motivação que me levou a fazer um intercâmbio, foi o desejo de aprimorar meu inglês, com o objetivo de abrir novas portas na minha vida profissional.

O que te levou a escolher Malta como seu destino?

Eu tinha o desejo de fazer um intercâmbio na Europa, e depois de pesquisar bastante, eu descobri que Malta seria um bom destino por diversos fatores, tais como o custo de vida, a história e as belezas naturais do lugar.

E qual tipo de acomodação você escolheu?

Eu acabei optando por me hospedar em uma residência estudantil. No geral, a experiência não foi lá aquelas coisas, pois afinal, eu dividia o apartamento com um grupo de japonesas, e elas não se esforçavam muito para falar inglês.

Se eu pudesse escolher de novo eu optaria por viver em uma casa de família ou até mesmo um hostel, onde eu dividiria um quarto com pessoas de origens variadas.

Isso realmente pode ser um problema! Fora isso, quais coisas você gostou e não gostou de Malta?

Acredito que uma das coisas que mais tenha me agradado em morar em Malta, é a facilidade para se locomover na cidade. Tudo é muito perto, e para ir à lugares mais distantes, eu pegava um ônibus.

Agora, o ponto que menos gostei, acredito que seja o fato de eu não ter achado a minha cidade tão bonita quanto outras cidades de Malta.

E o custo de vida? Você achou caro viver em Malta?

Durante a minha estadia de 4 semanas, eu gastei um total de 700 euros, incluindo alimentação, lazer, transporte e presentinhos para meus amigos e família.

Obviamente, esse valor não inclui a passagem, hospedagem e o curso de inglês. No geral, eu achei que o custo de vida é bastante justo.

O quê você achou da vida noturna e o que costumava fazer no seu tempo livre?

Achei a vida noturna em Malta bastante agitada, mas como não gosto muito de sair de noite, fui poucas vezes. Para quem gosta, Malta tem muitas opções para todos os gostos.

Eu pessoalmente foquei em fazer passeios pela ilha para ver lugares turísticos e históricos, além das belezas naturais.

E o clima, como estava?

Como fui em Fevereiro, era inverno, logo ventava muito e fazia um pouco de frio, ou seja, era preciso se agasalhar bem.

De 0 a 10, o quanto você indicaria a Clubclass para um amigo?

Me conta um pouco da Clubclass! O que achou da escola?

Tanto a localização quanto a infraestrutura da escola são ótimas. A única coisa que me incomodou um pouco, eram as turmas – Elas eram muito grandes, às vezes com 15 alunos.

Também, durante meu período de estudo, houveram algumas trocas inesperadas de professor, e isso acabou atrasando um pouco o meu aprendizado.

Acredito que se a turma fosse menor, eu teria evoluído mais.

Como eram os outros alunos da escola?

A maioria das pessoas estudando na Clubclass eram adolescentes, entre 16 a 22 anos, mas também conheci algumas pessoas mais velhas.

A grande maioria eram colombianos e japoneses.

Você acha que 4 semanas foi tempo suficiente?

Imagino que, para atingir um nível razoável de desenvolvimento na língua, seja necessário ficar mais tempo, pelo menos 6 meses a 1 ano.

Como foi a sua experiência com a Descubra o Mundo?

O meu atendimento foi ótimo desde o início, durante e após o intercâmbio. O que mais admirei, foi a rapidez no meu atendimento e também a forma de como fui tratada, pois todos que conversei foram muito atenciosos e simpáticos.

Em uma escala de 0 a 10, o quanto você indicaria a Descubra o Mundo para um amigo?

Comentários

comentários