em Estudar no Exterior

Conheça todos os processos para reconhecimento do diploma estrangeiro

Estudar no exterior é uma experiência enriquecedora e o sonho de muitas pessoas, mas a burocracia desanimava bastante.

A boa notícia é que o processo de reconhecimento do diploma estrangeiro sofreu algumas mudanças em 2016 que facilitam a vida do estudante que precisa revalidar o documento aqui no Brasil após a chegada.

Antes era preciso passar por uma série de burocracias, como ir até a prefeitura da cidade em que vive – no Brasil – validar e enviar ao consulado brasileiro para aplicação de um selo.

Graças às mudanças tudo ficou mais simples. Neste posts, vamos conferir quais são os trâmites atuais para o reconhecimento do diploma estrangeiro no Brasil.

Pretende estudar no exterior? Já pensou em fazer um curso de intercâmbio de idioma na cidade onde vai estudar para se acostumar com o país e ainda turbinar o domínio da língua?

Intercâmbio Institucional 728x90

Saiba mais: Lugares mais baratos para fazer intercâmbio: descubra agora!

4 dicas importantes para o reconhecimento do diploma estrangeiro

1- O que mudou com a apostila Haia e as novas normas?

Em agosto de 2016 o Brasil passou a seguir a Convenção da Apostila Haia. O procedimento se resume a uma anotação na parte inferior do documento que serve como autenticação pública.

Você irá efetuar o pagamento de uma taxa para o órgão do exterior colar uma autenticação no verso de todos os documentos necessários e comprovar a legitimidade dos termos.

Após realizar o reconhecimento, retornará para o Brasil sem a necessidade de procurar pelo consulado para validar o diploma.

Tudo foi simplificado após essa medida que conta com a participação de 112 países que permitem o reconhecimento dos documentos brasileiros no exterior, assim como estrangeiros aqui no país.

Antigamente era comum esperar até três anos para resolver todo esse processo de reconhecimento do diploma estrangeiro.

Era preciso procurar por universidades que possuíam o edital aberto na sua área de atuação, pagar taxas e aguardar.

Após as novas medidas, as universidades precisam aprovar os trâmites com o prazo de até 180 dias.

Veja também: Bolsas de intercâmbio: as 5 dicas de ouro para conseguir

2- Quais são os valores das taxas de validação?

Ao realizar o processo de reconhecimento de diploma estrangeiro o que não mudou é a responsabilidade do estudante de procurar uma universidade, curso e grade de aulas semelhante ao que estudou no exterior.

Os valores com taxas durante todo o processo ficam em torno de R$ 500,00 a R$ 3 mil.

3- Documentos para reconhecimento do diploma estrangeiro (pós-graduação)

Veja quais são os documentos necessários para reconhecimento de diploma estrangeiro, no caso de pós graduação:

  • Cadastro dos dados pessoais;
  • Cópia do diploma autenticado pela instituição responsável;
  • Cópia da dissertação com devido registro de aprovação da banca examinadora em formato compatível;
  • Documento oficial da instituição contendo o título do trabalho, data da defesa e a aprovação;
  • Nome de todos os participantes da banca, títulos e currículos resumidos;
  • Cópia do histórico escolar com disciplinas detalhadas, frequências e resultados das notas e avaliações;
  • Informações detalhadas sobre a pesquisa, fontes visitadas, endereço eletrônico e a quantidade de cópias impressas;
  • Apresentações em congressos ou reuniões acadêmicas também devem ser mencionadas, tal como o nome do veículo, data e local dos eventos;
  • Grade curricular do curso autenticado pela instituição responsável;
  • Documentos ou reportagens que falam sobre a responsabilidade social da instituição e qualidade dos serviços.

Em caso de dois diplomas no exterior, basta apresentar cópia dos documentos que comprovem a existência do programa de titulação dupla, projeto pedagógico e grade curricular do diploma duplo.

Todos esses documentos para casos de graduação e pós-graduação podem ser conferidos detalhadamente no Portal Carolina Bori, do Ministério da Educação (MEC).

Veja mais: Ranking das melhores universidades do mundo, veja 2 deles

4- Qual a diferença de revalidar ou reconhecer um diploma?

Muitas pessoas confundem, mas os termos são usados em situações diferentes.

O processo de revalidação de diploma acontece quando é concluído um curso de graduação no exterior.

Já o reconhecimento é restrito aos cursos de pós-graduação, como mestrado ou doutorado.

Curiosidade: Quem foi Carolina Bori?

Afinal, quem é a mulher homenageada pelo MEC?

Carolina Bori foi professora assistente de psicologia pela USP em 1948 e teve forte envolvimento com o estudo científico na época, em prol da sociedade.

Entre suas pesquisas em destaque, ela falava sobre o preconceito racial e social no final da década de 40.

Muito a frente do seu tempo, Carolina Bori transformava problemas sociais em dissertações científicas sempre em prol da disseminação do conhecimento.

Os Estados Unidos são um dos países com mais universidades de alto nível, já pensou em fazer um intercâmbio de inglês por lá?

Intercâmbio Estados Unidos 728x90

Veja mais dicas de como se candidatar à grandes faculdades ao redor do mundo:

Comentários

comentários