em Depoimentos Intercâmbio (Eu Fui)

DEPOIMENTO: Trabalho voluntário na África e curso de inglês

Trabalho voluntário na África e curso de inglês na EC Cape Town foi o que o Raphael Mendes, 24, de Santos (SP) escolheu durante 8 semanas. Ele, que é da área de Relações Internacionais, sentiu a necessidade de investir no inglês e ganhar uma super experiência de vida.

Assista e confira todos os detalhes:

Por que fazer intercâmbio

O Raphael nos contou que já tinha feito intercâmbio para Malta e gostou muito da experiência. Ele, que é da área de Relações Internacionais, estava insatisfeito no trabalho e achou que era o momento de investir em si próprio, aprimorando ainda mais o inglês. Ele guardou dinheiro e decidiu: fazer trabalho voluntário na África do Sul e fazer um curso de inglês.

Evolução no inglês em 8 semanas

O Raphael diz que o período de 8 semanas foi muito produtivo. Na EC Cape Town, ele fazia 3 horas diárias de aulas, além de 1 hora adicional – a chamada “free class”. Quando chegou lá, era preciso parar para pensar em português, depois em inglês. Ao fim do intercâmbio, sentiu que falava de uma forma bem mais espontânea e natural, sem precisar pensar tanto antes de falar.

Depoimento: Estudar inglês na cidade de Cape Town e outras cidades do mundo
Salto de bungee jump na África do Sul
Foto: Raphael Mendes/Arquivo Pessoal

Trabalho voluntário e curso de inglês na EC Cape Town

As aulas na EC Cape Town são distribuídas nos períodos da manhã e tarde. O Raphael, por exemplo, tinha aulas matutinas três vezes por semana (das 8h30 às 11h45, além da “free class” sempre das 13h às 14h); nos outros dois dias, as aulas eram das 14h30 às 17h15.

A dinâmica dos horários não agradou muito o Raphael, porque ele fez muitas amizades em outras turmas e, devido ao conflito de horários, nem sempre conseguia encontrá-los durante a semana. O trabalho voluntário na África do Sul, na EC Cape Town, acontecia toda quinta-feira no período da tarde – período que ele tinha aula e, por isso, tinha dificuldades de conciliar.

Trabalho voluntário África do Sul: saiba como fazer
Trabalho voluntário na África do Sul
Foto: Raphael Mendes/Arquivo Pessoal

Apesar disso, ele gostou bastante da metodologia. Segundo ele, a escola é moderna, limpa, com uma equipe bem solicita.  Havia gente do mundo inteiro: muitos brasileiros, suíços, alemães, além de espanhóis, italianos, colombianos.

Mais sobre a EC English School Cape Town

Trabalho voluntário na África do Sul

O Raphael participou de dois trabalhos voluntários na África do Sul. Um foi pela escola, que acontecia todas às quintas-feiras. No entanto, nesse ele só foi uma vez por causa do horário, que não conciliava com a aula. O segundo era voltado para o esporte, principalmente ao futebol. Ele ia semanalmente sempre que eu podia.

Residência estudantil da EC Cape Town

A residência estudantil da EC Cape Town fica a aproximadamente 20 minutos de distância de mini bus. Ele pegava o transporte na esquina e descia a duas quadras da escola. Segundo o Raphael, a localização é muito boa, perto da praia e de restaurantes.

Ele achou a acomodação é muito boa. Tem uma pessoa que faz a limpeza com frequência e arruma as camas.

Depoimento: EU FUI: Curso de inglês na EC Cape Town
Escolas de inglês em Cape Town: comece pela EC!

Clima em Cape Town

Entre janeiro e março, o clima em Cape Town é super agradável: entre 25 e 30ºC. Apesar do sol constante, a sensação térmica é bem mais baixa por causa do vento. Por isso, é sempre bom ter uma blusa em mãos! 

Intercâmbio em Cape Town
Foto: Raphael Mendes/Arquivo Pessoal

Por que escolheu a África do Sul

O Raphael já tinha feito um intercâmbio em Malta. A intenção, dessa vez, era ir para a Inglaterra. Mas, escolheu a África do Sul por ter o melhor custo-benefício, além das paisagens maravilhosas. Outro motivo relevante foi a oportunidade de fazer um trabalho voluntário na África. Ele acredita que a maioria das empresas valoriza essa experiência, que é vista com bons olhos no mercado.

No início, ele enfrentou certa resistência da família, por causa da fama de insegurança do país, mas disse que não teve problema nenhum. Em vários aspectos, inclusive, eles estão na frente do Brasil. 

Confira: Voos para África do Sul: quando comprar
Intercâmbio em Cape Town
Foto: Raphael Mendes/Arquivo Pessoal
Curso de inglês em Cape Town: conheça 3 grandes escolas

Atrações e vida noturna em Cape Town

É possível encontrar de tudo em Cape Town: praia, balada, montanha, lago, shopping, museus. Cada dia priorizava um programa diferente para conseguir conhecer o máximo de atrações possíveis. O Raphael foi a alguns bares na Long Street – rua agitada onde sempre rolam alguns eventos – e na Water Front, de onde saem também alguns passeios de barco. Ele ainda saltou de bungee jump, mergulhou com tubarões e fez um safari!

Os intercambistas costumam sair, principalmente os europeus. Algumas casas abrem cedo e fecham por volta das 2h. Em vários lugares não se paga para entrar e os programas noturnos saem baratos.

Tudo sobre a África do Sul. Descubra suas dores e delícias

Atendimento da agência Descubra o Mundo

O Raphael estava pesquisando na internet sobre a África do Sul quando entrou no site da Descubra o Mundo. Ele entrou em contato com a equipe – que, inclusive, tranquilizou a mãe dele sobre as condições do intercâmbio e sobre o segurança em Cape Town. O Raphael diz que gostou muito do atendimento, principalmente do fato de o pessoal estar sempre em contato.

“Recomendaria [a agência] sem dúvida nenhuma. Foi muito legal, tudo dentro do esperado. Não tenho do que reclamar, só elogiar mesmo.”

Raphael Mendes, 24, intercambista DMI

África do Sul viagem: dicas para dar tudo certo

Intercâmbio África do Sul x Intercâmbio Malta

O Raphael já fez intercâmbio em Malta e intercâmbio na África do Sul. Para ele, são dois lugares maravilhosos que valem a pena ser visitados. Para ele, a África foge de todos os padrões, tem mais atrações, a moeda é desvalorizada e, portanto, é mais acessível.

Malta, por sua vez, tem uma vida noturna bem agitada e é um país bem mais seguro. As paisagens também são muito bonitas e já serviram de locação para vários filmes. Ou seja: são dois destinos incríveis! Impossível não gostar.

TIntercâmbio em Cape Town
Foto: Raphael Mendes/Arquivo Pessoal
Saiba quais são as principais cidades da África do Sul

Se você gostou da ideia de fazer um trabalho voluntário na África e, ao mesmo tempo, estudar inglês, fale com a equipe da Descubra o Mundo que dará todas as orientações necessárias. Descubra a África do Sul.

Comentários

comentários