em Depoimentos Intercâmbio (Eu Fui)

EU FUI: Intercâmbio África do Sul para quem curte aventura

A Cynthia Mastrodomenico, 31, é analista de sistemas e mora em São Paulo. Ela fez um intercâmbio África do Sul, em Cape Town, onde ficou por 5 semanas. Aqui, ela nos conta detalhes dessa experiência e por que gostou tanto do destino escolhido! Vem ver:

Por que decidiu fazer um intercâmbio?

Eu fazia inglês no Brasil e não me sentia preparada para falar. Decidi fazer um intercâmbio pela carreira, realização pessoal, um misto de tudo. E também tinha acabado de sair de uma empresa de grande porte e não tinha um lugar melhor para investir o meu dinheiro.

Intercâmbio África do Sul – por que esse destino?

Escolhi fazer um intercâmbio na África do Sul pelo preço e custo de vida. Queria um país com o custo de vida barato, que não custasse em dólar, nem em euro e que eu não precisasse de visto.

Depoimento – Como um intercâmbio na África do Sul renova as energias
Intercâmbio na África do Sul | Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal
Intercâmbio na África do Sul
Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal

Intercâmbio África do Sul – Como foi se hospedar em residência estudantil?

Durante o intercâmbio África do Sul, fiquei na residência estudantil da escola Cape Studies. Recomendo demais. Quem fica em casa de família tem que se acostumar com as regra da casa. Já na residência, meu contato era com os estudantes da escola, fazíamos festas, braii (o churrasco sul africano), saíamos à noite para jantar. Ou seja, vivíamos como irmãos mesmo.

Depoimento: Estudar inglês em Cape Town, escola Good Hope, e em outras cidades do mundo

O que mais gostou e o que menos gostou em Cape Town?

Gostei de tudo em Cape Town. Não tem o que não gostar. É uma cidade incrível num país maravilhoso!

África do Sul – cultura, diversidade e talento

Como é o transporte público em Cape Town? Como você se locomovia no dia a dia?

Fazia muita coisa a pé porque a escola Cape Studies é bem localizada. Também usava os coletivos que são como as “lotações” de São Paulo. Somente de madrugada usava táxi.

O que achou do custo de vida em Cape Town?

O custo de vida em Cape Town é extremamente barato. Eu fiz toda minha viagem com um custo total de 3 mil reais (dinheiro que levei para passar 1 mês e 1 semana – na época, isso se converteu em 11 mil rands). Com este valor, fui a todos os passeios, conheci os pontos turísticos, me alimentei, fui para as baladas, comprei muita coisa – muita muamba mesmo!

Moeda oficial da África do Sul: saiba tudo do Rand

O que costumava fazer no seu tempo livre?

Eu ocupei todo o meu tempo livre passeando pela cidade, explorando o local. Lá, eu instalei o Tinder para conhecer os nativos e tive ótimas experiências. Conheci moradores e tive a oportunidade de conhecer casas locais, participar de braii, aprender algumas coisas em Xhosa (umas das 11 línguas faladas na África do Sul). Subi a Table Mountain a pé e escalei a Lions Head, fui a muitos bares e restaurantes na Main Road e em Sea Point.

Table Mountain, África do Sul | Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal
Table Mountain, África do Sul
Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal

Como é o verão na África do Sul?

Fiz o intercâmbio na África do Sul no verão e aproveitei aquele calor de 40 graus na sombra! A água do mar é congelante, mas com o sol lascando é possível encarar.

Conheça o clima da África do Sul

Intercâmbio África do Sul – Qual foi a sua impressão sobre a escola Cape Studies?

A Cape Studies é sensacional. Tem uma piscina no meio do pátio e é livre para os alunos quando não estão em aulas. Quer algo mais legal que isso? Os professores são incríveis, a estrutura é muito legal, eles realmente te fazem se sentir em casa.

Fiz o pré-intermediário de 40 aulas. A escola oferece no período da tarde, sem custo adicional, um curso de pronúncia, que é super concorrido e muito legal, para aprendermos a pronunciar corretamente as palavras (como ship e sheep).

Conheça a escola Cape Studies, África do Sul

Qual é o perfil dos alunos da Cape Studies? 

O perfil dos alunos da Cape Studies é bem variado. Na minha sala tinha gente de 16 a 45 anos. Não havia muitos adolescentes. O mais jovem que eu conheci foi um angolano de 16 anos, com quem ainda mantenho contato. Na época, encontrei muitos alemães, brasileiros, angolanos.

Curso de inglês em Cape Town: conheça 3 grandes escolas

Na sua visão, como são os intercambistas que vão para Cape Town?

Acredito os intercambistas mais aventureiros escolhem Cape Town. Porque África, por si só, já tem toda aquele “lembrar de selva, animais, aventuras”. Por incrível que pareça, lá tem muito luxo e me pareceu bem mais desenvolvido e organizado que o Brasil – a um custo muito mais baixo, claro. Então, é bem possível ir do “luxo ao roots” num mesmo lugar e aprender o British English.

6 ótimas razões para fazer um intercâmbio na África do Sul
Intercâmbio na África do Sul | Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal
Intercâmbio na África do Sul
Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal

Intercâmbio África do Sul – Como você avalia o seu aprendizado?

Após o intercâmbio África do Sul, estava desempregada. Logo em seguida, ao voltar ao Brasil, fui chamada por algumas multinacionais para fazer entrevistas em inglês e aí foi a hora da verdade. O que o intercâmbio na África do Sul me trouxe foi a coragem de falar inglês, mesmo que errado, ou de poder usar outras palavras para falar o que eu realmente preciso dizer. Então, podemos assim dizer que me tornei uma fluente. Hoje, trabalho numa multinacional e meu inglês vem se aprimorando a cada dia.

Depoimento: Dicas da Cidade do Cabo – 3  meses de intercâmbio
Intercâmbio na África do Sul | Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal
Intercâmbio na África do Sul
Foto: Cynthia Mastrodomenico/Arquivo Pessoal

Como chegou até a agência Descubra o Mundo? Como foi o atendimento?

Cheguei à Descubra o Mundo buscando na internet agências de intercâmbio. Fui muito bem atendida. Só de falar, eu já queria viajar na hora.

Se eu indico? Indico com certeza! E certamente meu próximo intercâmbio será com a Descubra o Mundo. Primeiro pelo preço, sem comparação. Segundo, pelo atendimento e  pelo cuidado. Terceiro, porque não somos só um “número”. A equipe realmente se importa e busca alternativas, cria roteiros… Enfim, só quem teve experiências com a agência sabe do que eu estou falando. Detalhe: eu fechei não só o intercâmbio, mas também seguro viagem e outros serviços. Sempre que preciso viajar, procuro a equipe.

África do Sul x Malta: onde estudar inglês no exterior

Intercâmbio África do Sul 

Se você gostou também da ideia, entre em contato com a equipe da Descubra o Mundo. Estamos falando de um país de clima agradável, população simpática, atmosfera aventureira e com excelente custo-benefício. Descubra a África do Sul.

Comentários

comentários