em Canadá

1 mês na WTC Canadá de Toronto: a Bruna conta tudo!

A Bruna Lima, de 29 anos, do Rio Grande do Sul, adiou o plano de fazer intercâmbio várias vezes até decidir estudar 1 mês no Canadá. A Bruna passou 4 semanas na escola WTC Canadá de Toronto e nos conta neste vídeo como foi a experiência.

Confira cada detalhes desta viagem incrível!

Saiba tudo que rolou na WTC Canadá de Toronto!

Com a palavra, Bruna e suas dicas sobre Torono e a WTC Canadá:

Faça seu intercâmbio no Canadá com a Descubra o Mundo.

Por que fazer intercâmbio

Formada em Letras e Comércio Exterior, a Bruna sempre teve contato com o inglês, mas precisava de uma imersão no idioma para perder a timidez e conseguir se comunicar com mais facilidade.

Há alguns anos, a gaúcha queria fazer intercâmbio. Mas como é um investimento alto, que exige também certo tempo disponível, a intenção foi adiada por várias vezes. Em junho de 2015, decidiu colocar o plano em prática e reservar 30 dias para estudar inglês no exterior.

Como escolher a agência de intercâmbio

A Bruna fez contato com várias empresas – algumas maiores, outras menores e regionais. Ao todo, segundo ela, foram mais de 40 contatos! Ela percebia que as empresas tinham dificuldade de dar informações mais precisas e muitas delas só faziam isso após o fechamento do intercâmbio. Foi assim, durante uma pesquisa na internet, que ela encontrou a Descubra o Mundo.

Veja também: Estudar inglês no Canadá, razões para você decidir

Por que escolher a Descubra o Mundo

Na Descubra o Mundo, o intercambista pode montar o programa online e escolher exatamente o que quer. Esse foi o fator que chamou a atenção da Bruna logo de cara. Ela diz que a equipe foi muito atenciosa e passou muitas informações úteis, antes mesmo de fechar o intercâmbio.

No início, ela ficou receosa pelo fato de a agência estar localizada em São Paulo e ela no Rio Grande do Sul. Após falar com várias pessoas da equipe, ela decidiu pela Descubra o Mundo. Deu muito certo e recomenda.

Por que fazer intercâmbio de 1 mês no Canadá

A Descubra o Mundo auxiliou a Bruna na escolha do destino levando em consideração a disponibilidade dela e o orçamento. O Canadá era a melhor opção: a dúvida era entre Toronto e Vancouver. Inicialmente, ficou receosa por Toronto ser uma cidade muito grande. Mas ir para uma metrópole seria um desafio a mais que deveria ser encarado. Por isso, a Bruna escolheu Toronto e a escola WTC Canadá.

Saiba mais sobre intercâmbio no Canadá:
Viagem à Ottawa, Canadá | Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal
Viagem à Ottawa, Canadá
Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal

Como é a escola WTC Canadá de Toronto

Adorou a escola WTC Toronto. Lá, havia um profissional responsável por auxiliar os alunos e dar orientações gerais. A localização é ótima, de fácil acesso, perto de pontos turísticos, como Old City Hall. Professores e alunos conviviam também fora da sala de aula e almoçavam juntos no refeitório quase sempre.

A escola WTC organiza passeios com os estudantes. A Bruna conheceu, por exemplo, o lado francês do Canadá em uma viagem de três dias à Ottawa.

A única reclamação da Bruna foi em relação ao início do curso. Ela entrou na segunda semana, quando o curso já havia iniciado, e sentiu que perdeu conteúdo. Sentiu um pouco de dificuldade nos primeiros dias e se arrependeu por não ter se informado e começado juntamente com todos. Mas, fora isso, só alegrias!

Depoimento: Intercâmbio em Toronto, Canadá – escola WTC
Escola WTC Toronto | Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal
Escola WTC Toronto
Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal

Casa de família em Toronto

Optou por ficar em casa de família em Toronto. O casal, dono da residência, era muito acolhedor, educado, atencioso e sempre auxiliava com informações e orientações. Todas as noites, após as aulas, jantavam juntos e incentivavam a Bruna a conversar para praticar o inglês. O casal recebia, no máximo, dois estudantes por vez. A Bruna dormia em um quarto individual e gostou muito da experiência.

Veja ainda: As melhores baladas em Toronto

ebookcanada

Custo de vida em Toronto

Ao converter os valores, tudo fica muito caro, pois o real é desvalorizado frente ao dólar canadense. Por isso, a dica da Bruna é pensar em dólar mesmo e evitar fazer conversões.  Tendo esse pensamento, percebe-se que os valores são muito parecidos com os do Brasil. Os gastos ficaram dentro do previsto.

Confira: Quanto custa para fazer um intercâmbio no Canadá

Clima em Toronto no fim do verão

O intercâmbio da Bruna ocorreu entre agosto e setembro. Ela vivenciou o final de verão e gostou muito do clima em Toronto nesse período. As mínimas ficaram perto dos 15°C e a máxima chegou a 32°C. Em dias “normais”, a temperatura ficava próxima dos 25°C. Agora, a ideia da Bruna é voltar ao Canadá no inverno para conhecer outras paisagens com neve e frio.

Veja mais:

Resultado do intercâmbio de 1 mês na WTC Canadá

A Bruna contou que estudou inglês por anos, mas precisava praticar a conversação. O objetivo principal era ser compreendida e o contato diário com a língua faz perder a vergonha de errar. Por isso, ela adorou passar 1 mês no Canadá e o tempo foi suficiente para atingir esse objetivo. Sim, ela já pensa no próximo intercâmbio!

Depoimento: Intercâmbio em Toronto aos 50 – ILAC Toronto

Pois é, 1 mês no Canadá é o suficiente para quem tem limitação de tempo e quer soltar a língua. Vem saber mais com a equipe da agência Descubra o Mundo e comece a planejar o seu intercâmbio. Descubra o Canadá.

High Park em Toronto, Canadá | Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal
High Park em Toronto, Canadá
Foto: Bruna Lima/Arquivo Pessoal
Acha que viu tudo? Tem mais:

Comentários

comentários