em Bélgica

Intercâmbio Bélgica: 3 línguas oficiais, qual quer aprender?

Fazer intercâmbio na Bélgica é uma excelente oportunidade de conhecer um país diferente do que estamos acostumados. Para começar, tem três línguas oficiais, mesmo sendo um país pequeno. Mas sua beleza, principalmente de suas cidades tão bem cuidadas e preservadas historicamente, além de seu desenvolvimento e cultura, encantam os visitantes. É por isso que um intercâmbio na Bélgica pode ser uma viagem inesquecível.

Informacões gerais sobre a Bélgica

  • Idiomas oficiais:
    Holandês em Flandres.
    Francês na Valónia.
    Alemão em alguns municípios na fronteira oriental.
    Francês e holandês em Bruxelas.
  • Capital: Bruxelas
  • Área: 30.528 Km2
  • População: 10.400.000 habitantes
  • Moeda: Euro

Intercâmbio na Bélgica: que clima esperar?

O clima na Bélgica não pode ser considerado exgeradamente frio, apesar das temperaturas de inverno poderem chegar a mínimas de -12° C, no verão podem chegar a máximas de 32°C.  É classificado como temperado e chuvoso.

Temperaturas médias durante seu intercâmbio na Bélgica:

  • Verão: 25° C
  • Inverno: 7° C
Veja também: Dicas de roteiro na Europa para sua viagem

Gastronomia na Bélgica

Quem faz intercâmbio na Bélgica pode se preparar para experimentar pratos com influências variadas, cada um de uma região diferente, como Flandres e Valônia, e até de seus países vizinhos. Mas tudo é muito gostoso, confira algumas especilalidades:

  • Moules Frites: Mexilhões com batatas fritas servidos em pratos ou cônes de papel, normalmente cobertos de maionese.
  • Waterzooi: Espécie de sopa ou guisado de peixe ou galinha com vegetais e engrossada com leite e gemas de ovos.
  • Chocolate belga: Um dos mais famosos e apreciados do mundo.
  • Cervejas: São mais de 300 marcas de alta qualidade.
  • Queijos: Deliciosos e variados, experimente o Limburger.

Então, quem estiver fazendo sua viagem de intercâmbio pela Bélgica, já sabe: aproveite para provar Moule Frites com um cervejinha!

Curiosidades sobre a Bélgica

Nada pior para um viajante que cometer uma gafe por desconhecer os costumes de um país… É por isso que nossa lista de curiosidades começa com uma pequena relação de atitudes que quem estiver fazendo intercâmbio na Bélgica deve evitar: 

  • Conversar com as mãos dentro dos bolsos
  • Apontar alguém ou alguma coisa com o dedo indicador
  • Bocejar em público
  • Chamar alguém pelo primeiro nome. Isso só é permitido para pessoas muito próximas ou da família.

Agora, uma curiosidade realmente surpreendente: Os belgas apreciam a corrida de pombos, um verdadeiro esporte nacional. Funciona assim: os machos são colocados em locais distantes das fêmeas e ganha aquele que encontrar primeiro o seu par. Romântico, não?

Confira: Intercâmbio na Europa: aberta a temporada de festivais de verão

O que visitar na Bélgica durante o intercâmbio

Bruxelas

A capital do país também é a capital da Comunidade Europeia. De lá você poderá usar o excelente sistema ferroviário para fazer visitas as demais cidades. Também é interessante passear a pé pelo centro histórico.

O que você não pode perder em Bruxelas:

  • Museus: O Museu Real de Belas Artes e o famoso Museu Magritte.
  • A Grand Place: Considerada por muitos como a mais bela praça do mundo.
  • Atomium: Enorme escultura de metal de aparência futurista.
  • Manneken Pis: Lendária escultura do século XVII representando um menino urinando.

Bruges

Entrecortada por belos canais, passear de barco por eles é a melhor forma de apreciar toda beleza desta cidade medieval que guarda todo esplendor de seu apogeu, no século XII.

O que você não pode perder em Bruges:

  • Sua belíssima prefeitura, chamada de Stadhuis.
  • O Museu Brugge e sua coleção de arte e artefatos antigos.

Louvain

Esta pequena cidade estudantil de aspecto medieval é muito cheia de vida e de fábricas de cerveja. Coincidência? Quem se encontra em intercâmbio na Bélgica precisa visitar.

O que você não pode perder em Louvain:

  • O Hôtel de Ville, que é a prefeitura.
  • As Igrejas:  De Saint Pierre e a de Sainte Gertrude.
  • Os Halles aux Draps: Belo edifício onde se encontram instalações universitárias.
  • A Maison vant Sestich.

Antuérpia

É considerada a mais importante cidade flamenga do país. Foi nela que se instalou o famoso pintor Rubens. Ao visitá-la, comece pela praça do mercado, Grote Markt, de aspecto medieval cuidadosamente preservado.

O que você não pode perder em Louvain:

  • O Stadhuis: Prefeitura construída no século XVI.
  • A catedral: Once Lieve Vrouwe Katedraal.
  • Vleeshuis: Sede de uma guilda da Idade Média.
  • O Koninklij Museum voor Schone Kunsten: O mais prestigiado museu da cidade.
Prepare-se: Tudo sobre intercâmbio: guia completo que você precisa ler

Como se locomover durante seu intercâmbio pela Bélgica

Estradas: Excelentes e com muitas interligações entre as cidades, facilitando visitas.
Ferrovias: O transporte mais adequado e eficiente. Prefira esta opção.

Interessado em fazer intercâmbio na Bélgica, outro país da Europa ou mesmo do Mundo? Então não perca tempo: procure em nosso blog os destinos que mais te interessam e Descubra o Mundo!

Aproveite os descontos de intercâmbio da Descubra o Mundo.

Comentários

comentários