em Austrália

Austrália precisa de visto? Sim, mas a gente te explica tudo

Quando se pensa em viajar para o maior país da Oceania, a grande dúvida que vem à cabeça é sempre a mesma: Austrália precisa de visto? Afinal de contas, essa é a primeira coisa que precisa ser resolvida e pensada em uma viagem internacional.

Cada país tem as suas regras de imigração e de aceite de cidadãos de outros países, mas é preciso entender as categorias que cada um estabelece para poder fazer tudo corretamente e não ter nenhuma surpresa na hora de tirar o visto australiano para brasileiros.

Alguns países possuem acordos de entrada livre para pessoas do Brasil, mas esse não é como o caso da Austrália. A entrada no país realmente requer a tirada da documentação e dos procedimentos específicos de imigração.

Assim, como para ir para Austrália precisa de visto, é necessário escolher a categoria correta e checar se os pré-requisitos necessários estão sendo cumpridos.

Confira abaixo as principais categorias e comece agora mesmo a se preparar!

Faça seu intercâmbio na Austrália com a Descubra o Mundo.
Veja também: Tudo sobre o visto australiano: turismo, estudo ou trabalho

Austrália precisa de visto para brasileiros?

Sim, precisa de visto para a Austrália e existem diversas modalidades. Por isso, fizemos um resumo pra você entender melhor. Dê uma olhada e fique por dentro de todas as providências.

Visto de estudantes – Student Visa

Um estudante que vai para a Austrália precisa de visto, mesmo que o curso no qual ele esteja matriculado tenha duração de oito semanas – o que, teoricamente, é o mesmo período permitido aos turistas.

  • Como funciona: se você quer para ir para Austrália estudar, precisa de visto de estudante. Isso é fundamental. Matricule-se primeiramente em um curso, seja ele de inglês ou na sua área de estudos, e dê entrada no visto.
  • Trabalho: uma das maiores vantagens do visto australiano para brasileiros é o fato de que é possível trabalhar junto com os estudos para poder arcar com parte dos custos do curso e da estadia no país.  É permitido trabalhar por até 20 horas semanais durante o período de aulas e horas ilimitadas nas férias. Ótimo, não é mesmo?
Veja mais: Visto estudante Austrália: tudo que você precisa saber

Visto para trabalho I –  Work after study

Se você quer estudar em um curso de mais de dois anos de duração e pretende trabalhar um pouco pela Austrália, precisa de visto adequado, que é o Work after study visa.

  • Como funciona: para ter acesso a esse tipo de visto, você precisa ter concluído um curso com duração mínima de dois anos na Austrália, como um profissionalizante ou curso de graduação. Muitas pessoas que estão em escolas dessa modalidade começam a trabalhar enquanto estudantes, na quantidade de horas permitida, e são efetivados após a conclusão do curso.
  • Trabalho: não existe restrição de horas trabalhadas nessa modalidade, já que é específico para o trabalho regular. O tempo máximo de duração desse visto é de 2 anos.
Confira: Visto Trabalho Austrália para profissionais ou estudantes

Visto para trabalho II – Skilled Migrant Visa

Se a sua intenção é trabalhar e morar permanentemente na Austrália, precisa de visto para trabalho fixo e de estadia contínua, que é o Skilled Migrant Visa.

Como funciona: a Austrália abre sempre processos seletivos para profissionais cuja ocupação está em falta no país. É preciso acompanhar isso atentamente e, caso você preencha todos os pré-requisitos necessários, seguir as etapas de seleção até a finalização do processo.

Trabalho: como o regime de trabalho é permanente, você não tem um prazo necessário para volta. O Skilled Migrant Visa permite que você fique na Austrália para trabalhar por quanto tempo precisar.

Leia mais: 7 dicas sobre empregos na Austrália para brasileiros

Visto para trabalho temporário – Working Holiday Visa

Esse tipo de visto só pode ser requerido por pessoas que possuam cidadania e passaporte europeu. Ele é referente ao trabalho de férias e pode ser solicitado todos os anos, quando o país abre as inscrições referentes a ele.

  • Como funciona: se você possui menos de 30 anos, pode requerer esse visto para trabalhar por um ano na Austrália, em regime temporário. No entanto, a liberação desse visto é complicada e as vagas são bastante limitadas.
  • Trabalho: a maioria das pessoas que se inscrevem para esse tipo de visto tem a intenção de trabalhar em uma área específica de uma empresa ou campo de pesquisa, num projeto que tem a duração máxima de um ano. Para trabalhos em outras áreas, no entanto, vale mais a pena matricular-se em um curso de lá e pedir um visto de estudante.
Confira também: Saiba tudo sobre a Austrália, faça as malas e mude sua vida!

É claro que depois de ler nossas dicas, o ideal é consultar diretamente o site da representação da Austrália no Brasil, confira: Embaixada da Austrália no Brasil

Uma das melhores formas de conseguir trabalhar na Austrália e fazendo um intercâmbio de 8 semanas ou mais.

Veja mais sobre este tipo de estudo no exterior baixando nosso e-book: Intercâmbio Estudo & Trabalho

Aproveite para ver mais sobre a Austrália:

Comentários

comentários