em Depoimentos Intercâmbio (Eu Fui)

EC Malta durante 3 meses de um ano sabático

QUE RELATO! A EC Malta foi a escola onde a Carla Nóbrega, 38, resolveu estudar por 3 meses durante seu ano sabático. A paulistana largou o emprego de 12 anos (!) para investir no aprendizado de idiomas e no contato com outras culturas. Muita coragem? Veja o depoimento:

Tenho 38 anos e há 12 trabalho na mesma empresa.

Nascida em São Paulo, mas já morei em diferentes regiões no Brasil; mudar de cidade nunca foi novidade para mim. Decidi tirar um ano sabático com o objetivo de aprender pelo menos duas línguas distintas (inglês e italiano)11, diferentes culturas e permitir me aventurar!

EC Malta 30+: inglês para adultos num cenário incrível!

Decidi começar aperfeiçoando o inglês,

já que é indispensável em qualquer lugar do mundo. Em uma busca por agências na internet achei a Descubra o Mundo. Ao entrar em contato, fui prontamente atendida. A segurança nas informações e a efetividade na prestação de serviços me fizeram optar pela agência.

Em abril de 2017, iniciei meu curso de 3 meses em Malta. Definitivamente, a escolha pelo país e o período foram influenciados pelo clima e pelas belíssimas paisagens, mas confesso que o baixo custo comparado aos outros países da Europa foram um atrativo e tanto.

Intercâmbio em Malta
Foto: Carla Nóbrega/Arquivo Pessoal
Depoimento: Curso de inglês no exterior: Ace English Malta

Não é fácil ficar um ano inteiro sem renda,

só gastando dinheiro. Consegui tirar uma licença não-remunerada e, por isso, um bom planejamento financeiro foi fundamental. Mas, mudar hábitos de consumo e principalmente focar no objetivo fizeram parte da preparação.

A viagem de avião até Malta não é difícil. Existem várias opções, mas como deixei para comprar o voo de última hora, por causa do preço, acabei tendo que ir até Istambul fazer uma conexão de 9h e só depois voar para o destino final. Saí de casa numa sexta feira e cheguei à Malta no domingo!! Claro que incluindo a diferença do fuso horário de 5 horas.

A escolha de onde ficar é sempre uma preocupação.

Não tive grandes problemas com a minha acomodação em apartamento estudantil ligado à EC Malta (só achei as instalações bem mais velhas do que as que aparecem na fotos e muito barulhentas), além da falta de privacidade, mas que já era esperada. Foi uma boa forma de fazer amizades com as companheiras de apartamento e também com os vizinhos.

Sempre haverá vantagens e desvantagens, inclusive nas opções oferecidas pela escola ou mesmo no aluguel de um imóvel de forma independente. Quem optou por casa de família teve que se adaptar às regras da casa; quem optou por independência foi obrigado a pagar pelo custo… Cada um tem as suas prioridades!

Depoimento: Intercâmbio em Saint Paul, EUA: tranquilidade e imersão total no inglês

Achei o custo de vida em Malta muito parecido com São Paulo,

após as conversões. Uma refeição nos arredores da escola EC Malta fica um pouco menos de 10 euros, mas é possível cozinhar em casa e gastar menos de 5 euros por refeição. Se for comer carne, prepare-se para pagar 20 euros por prato! Se bater aquela saudade de comida brasileira, existem dois restaurantes por lá que fazem o possível para se assemelhar ao que estamos acostumados por aqui!

Gastos em Malta: dicas, lugares e noções de preços por quem já foi

Os horários das aulas na EC Malta eram alternados entre manhã e tarde

– bons para quem gosta da balada e para não cair na rotina, mas confesso que se tivesse a opção, escolheria estudar somente pela manhã e curtir o resto do dia.

A infraestrutura da EC Malta é adequada, não senti falta de nada, tive ótimos professores e alguns medianos. Se topar com um desses, peça imediatamente para mudar de turma!

Você vai esbarrar com todo tipo de gente, principalmente jovens europeus que não estão muito afim de estudar, estão lá mais pela diversão mesmo.

Conheça a escola de inglês EC Malta

Por isso, optei pelo curso 30+ na EC Malta.

É verdade que houve semanas que até parecia 50+! Mas, não tenho dúvidas que foi a melhor opção para networking e para o compartilhamento das vivências pessoais, muito exploradas em sala de aula.

“A experiência de um intercâmbio é única, individual, ainda que eu descreva cada segundo da minha viagem nunca vão sentir o que eu senti.”

Carla Nóbrega, 38, intercambista DMI

Depoimento: Programa 30+: intercâmbio na EC Malta

Malta está no Mediterrâneo

e será redundante dizer que suas águas são exuberantes.  Já não posso dizer o mesmo de suas areias, aliás, que areias?? As poucas praias de areia que encontramos por aqui foram trazidas do Egito, mas quem se importa? São lindas mesmo assim.

Conheça a Ilha de Gozo, a joia rara de Malta

TOP 10 cursos de inglês em Malta

Se você quiser visitar as melhores praias de Malta,

como Golden, Riviera e Paradise Bay, prepare-se: os ônibus passam de hora em hora e levam mais uma hora para chegar aos destinos. Se a opção for táxi ou genéricos, agende com antecedência, dividindo com a galera sai uns 5 euros por pessoa. Se for alugar um carro, cuidado com a mão inglesa! Mas, todo sacrifício será recompensado, pois as paisagens são deslumbrantes.

Como era a Azure Window em Malta: 10 fotos de intercambistas
Intercâmbio em Malta
Foto: Carla Nóbrega/Arquivo Pessoal

Meus lugares favoritos foram Comino-Blue Lagoon.

Dê preferência para os barcos que saem mais tarde porque ao final do dia a ilha está mais vazia com a impressão de uma praia particular. Sliema foi meu xodó, linda, com suas piscinas naturais e super perto da escola, perfeita para aqueles dias de preguiça!

Veja: TOP 10 lugares para visitar em Sliema, Malta

Para quem gosta de história, Malta é simplesmente fascinante! Existem registros datados de nem sei quantos anos antes de Cristo. Boa parte dessa história está bem conservada e é orgulho para os nativos. Achei os templos de Gozo mais completos e interessantes do que os de Hagar Quim e Mnajdra. Se tiver que escolher vá a Gozo. Avançando por séculos, encontramos cidades medievais como Medina e Valletta, intactas, turísticas e multifuncionais, ocupadas por residências, restaurante e pequenos comércios, servindo como cenário de filmes!

Intercâmbio em Malta
Foto: Carla Nóbrega/Arquivo Pessoal

Malta integrou-se à União Europeia há pouco tempo

e tenta se adaptar até hoje. Por toda a ilha, a coisa mais fácil de se encontrar são novas construções – reflexo de desenvolvimento. Esse país tem um potencial incrível de crescimento e, se bem governado, vai atrair bons investidores podendo ser uma grande potência. É fácil ver por lá quem veio “perdido” e se encontrou, assim como quem veio se encontrar e se perdeu!

Cada um com suas bagagens e buscas pessoais. Malta oferece diversidade em cultura. Gastronomia e diversão serão plano de fundo para escrever a sua própria história!

Estude Inglês em Malta e aprenda se divertindo