em Depoimentos Intercâmbio (Eu Fui)

Dicas Cape Town – Intercâmbio de 2 meses na África do Sul

Dicas Cape Town – Leia esse depoimento do Lucas Pessôa, 22, do Rio de Janeiro. Ele passou 2 meses na África do Sul, fez vários programas legais e listou o que viu de mais interessante em Cape Town.

Ah, não precisa dizer que ele AMOU a experiência, né?

Por que decidiu fazer intercâmbio?

Já era um sonho antigo, mas o fator crucial para minha decisão foi a necessidade de obter um nível melhor de inglês para conseguir um bom emprego.

6 ótimas razões para você fazer um intercâmbio na África do Sul

O que achou do período de 2 meses?

Maravilhoso! Incrível como passa rápido… Eu melhorei muito o meu nível de inglês, mas preciso melhorar muito mais ainda. Eu cheguei lá com uma dificuldade de me comunicar imensa e voltei muito melhor, ainda que as vezes a pessoa precise repetir 3x ou então que eu mesmo tenha q tentar repetir de forma diferente.

Por que escolheu fazer intercâmbio na África do Sul?

Tudo começou pela procura de um melhor custo-benefício, mas quando comecei a pesquisar sobre Cape Town, me apaixonei. Até porque todos os depoimentos são bem empolgantes, não conheci ninguém que apenas “gostou” de Cape Town, todos AMARAM! E eu não fui diferente!

7 vantagens de morar na África do Sul
Intercâmbio em Cape Town
Foto: Lucas Pessôa/Arquivo Pessoal

Como foi ficar em apartamento estudantil?

Foi demais. Com certeza, recomendo. A interação com os outros estudantes é muito maior. Cozinhamos juntos, gastamos horas conversando antes de dormir. Não que você não possa fazer tudo isso quando está numa host family, mas é muito mais fácil quando não precisa se preocupar com horários e deslocamentos. Algumas casas de família são um pouco distantes da escola.

Depoimento: Trabalho voluntário na África e curso de inglês

Dicas Cape Town – O que mais gostou e o que menos gostou?

O que eu menos gostei em Cape Town foi a insegurança e o fato de ter muitas pessoas pedindo dinheiro na rua. Mas, eu não passei por nenhuma situação difícil. No início, fiquei bem neurótico, mas depois já andava à noite sozinho. Mas, é claro que eu não fiz isso no centro da cidade ou em uma área mais perigosa.

No meu segundo mês eu fiquei em Sea Point, numa host family. Como a escola era em Green Point, normalmente saía tarde da noite da escola e fazia minha caminhada de 25 minutos até minha casa em Sea Point. Mas são áreas muito mais tranquilas nas quais eu me sentia relativamente seguro. Somado a isso, tinha o fato de eu parecer local (até o momento de eu abrir a boca, claramente!). Algumas pessoas já tinham me dito que eu parecia local, mas eu só fui acreditar depois que percebi que só me pediam dinheiro na rua quando eu estava com meus amigos gringos. Uma vez um cara veio até falar africanêr comigo.

Sobre as coisas boas de Cape Town… Ahhh, é difícil até falar o que eu mais gostei. Aquela cidade é realmente linda e tem uma conexão com a natureza invejável. Fiz muita trilha, subi em muitos lugares altos, vi muitos animais e paisagens. Fui ao cinema ao ar livre, fiz piqueniques em lugares lindos e vi o pôr do sol dezenas de vezes. A cada lugar novo que eu subia para ver o pôr do sol, pensava que não teria uma vista melhor com Cape Town ao fundo, mas sempre tinha. Vi o incrível nascer da lua também.

Cara, sem palavras. Incrível. E o melhor é que tinha sempre a incrível Cape Town emoldurando esse quadro.

Intercâmbio em Cape Town
Foto: Lucas Pessôa/Arquivo Pessoal

Como é o transporte público em Cape Town?

Geralmente eu andava de Uber. Como estava sempre com uma galera, não ficava caro. As poucas vezes que usei ônibus, ele veio na hora programada. A experiência que eu tive no trem, durante um fim de semana, também não foi ruim. Mas, dizem que enche muito em dia de semana.

O que achou do custo de vida em Cape Town?

A comida é muito barata e boa (tirando o fato que é bem apimentada). Sofri um pouco em relação a pimenta, mas depois aprendi que eu tinha que sempre perguntar se era picante ou não. Segredo da felicidade!

Os passeios também não são caros. Dicas Cape Town: vá à Table Mountain às sextas-feira – único dia que os estudantes pagam meia. Isso se quiser usar o transporte (Cable Car). Pela trilha, não se paga mesmo nenhum dia.

No geral, achei o custo de vida de Cape Town baixo!

Custo de vida na África do Sul: lista de preços

Como é a vida noturna em Cape Town?

Não sou a melhor pessoa para falar desse quesito, mas acredito que é bem legal. Tem uma rua chamada Long Street que concentra vários bares e baladinhas. Tem um karaokê bar que é massa demais. Eu ia toda sexta! Fica numa das esquinas da Long Street. Você paga 40 rands (10 reais) e pode cantar quantas músicas quiser.

Tem a Beer House também: tipo um bar/balada, onde se ouve até alguns funks. Me sentia representado nessas horas!

Depoimento: Curso de inglês na EC Cape Town

O que costumava fazer no seu tempo livre?

Saía pra comer, fazia trilhas, ia ver o pôr do sol, ia ao karaokê bar e visitava os pontos turísticos mais famosos também, claro.

 10 dicas de turismo na África do Sul durante o verão
Intercâmbio em Cape Town
Foto: Lucas Pessôa/Arquivo Pessoal
Turismo em Cape Town: tudo o que você precisa saber sobre a cidade

Dicas Cape Town – O que não deixar de fazer?

Table Mountain

Acredito que a melhor forma de ir é pela trilha. Além de não pagar, a vista é surreal, uma experiência estrondosa. Demora, em média, duas horas pra subir e há várias trilhas diferentes. Eu fui na Table Mountain três vezes e em duas eu fui por trilha. Uma trilha é bem tranquila, até quem tem medo de altura não deveria deixar de fazer (eu, por exemplo, tenho muito medo e fiz!). A outra trilha é um pouco mais complicada, tive que escalar algumas vezes. E, por último, fui pelo Cable Car mesmo. Acho que a melhor forma é subir de trilha e descer de Cable Car!

Lion’s Head

A trilha leva em média 40 minutos e a recompensa é uma vista espetacular! É preciso escalar um pouquinho umas pedras grandes. Mas, na verdade é bem tranquilo, tem uns seguradores e tal. Também tem uma caverna que vale muuuuito a pena ir. Mas o caminho é um pouco mais escondido.

Signal Hill

Aqui você pode ir até o topo de Uber, carro ou aqueles ônibus vermelhos de turismo. As pessoas geralmente vão para lá pra ver o pôr do sol, fazer um piquenique etc. Não preciso dizer que a vista é maravilhosa também, né?

Kirstenbosch National Botanical Garden

Que lugar sensacional! É um jardim botânico enoooooorme. O cinema ao ar livre tem em diferentes lugares da cidade, um deles é lá. Vale muito a pena dar uma volta pelo parque e depois terminar a noite no cinema. Mas o cinema não é todo dia, tem que ver a programação. É só pesquisar por Galileo Open Air Cinema no Google.

Cabo da Boa Esperança

Mais uma vez, um lugar sensacional, um dos meus preferidos até. A vista é linda demais e você ainda consegue ver uns animais lá. Eu fui com tour, paguei 550 rands (137,5 reais). Mas, acredito que a melhor opção seja juntar uma galera e alugar um carro. Sai mais barato e você pode ficar lá o tempo que julgar necessário (com tour é um pouquinho corrido).

Robben Island

É bem interessante o tour pela ilha que o Nelson Mandela ficou preso. É um destino importante também para quem está passando por Cape Town. Se eu não me engano, paguei 320 rands (80 reais).

The Butcher Man

É um restaurante em Green Point. Vale muito a pena ir lá, tem o melhor Cheese Chicken Burguer do mundo! E ótimas steaks também, segundo meus amigos. Na verdade, as pessoas geralmente vão lá pela carne né, mas isso não é muito meu forte!

Muizenberg Beach

É a famosa praia dos vestiários coloridos! Linda demais e água é um pouco menos congelante. As pessoas vão muito lá pra surfar!

Bay Harbour Market (Hout Bay) e The Old Biscuit Market

São ótimos lugares pra você comprar souvenirs, comer uma comida boa e diversificada e em Hout Bay ainda tem música ao vivo alguns dias. Atmosfera boa demais.

WaterFront

É uma espécie de shopping com várias opções de lojas, mas não tem os melhores preços. Tem uns restaurantes muito legais lá também, um food market e um outro market para souvenir.

Coisas para fazer em Cape Town é o que não falta!

Cidade do Cabo pontos turísticos: the big 6

Dicas de Cape Town – Como estava o clima?

O clima em Cape Town no verão é bem seco. Se choveu três vezes, foi muito. Inclusive, estávamos economizando água devido à seca. No verão, durante o dia faz calor. Nada muito absurdo porque venta muito (ainda mais para um carioca). No geral, está sempre ventando. As noites são normalmente mais friazinhas. Eu dormi durante dois meses com cobertor e sem ventilador. Eu não faço isso no Rio nem no inverno!

Conheça dos diferentes climas da África do Sul
Intercâmbio em Cape Town
Foto: Lucas Pessôa/Arquivo Pessoal

Quais eram os horários das aulas na Cape Studies?

As aulas na Cape Studies iam das 9h às 12h50. Quatro tempos de 50 minutos com 10 minutos de intervalo entre eles. À tarde tinha aula de conversação, porém eu escolhi só aula de manhã mesmo. O que eu acho a melhor opção, ainda mais pra quem vai ficar mais tempo.

Curso de inglês em Cape Town: conheça 3 grandes escolas

O que achou da escola Cape Studies?

A localização da Cape Studies não poderia ser melhor. O bairro é super legal, relativamente seguro, bonito e perto de tudo! Tinha um mercado na esquina da escola. E também estávamos na esquina da Main Road, onde há vários restaurantes perto, lavanderia, etc. E dava para ir para o WaterFront andando! A residência estudantil fica na escola, o que é bem cômodo para quem fica hospedado lá. É só descer e já está na escola! A infraestrutura é boa e os professores super simpáticos e acolhedores!

Intercâmbio na Cape Studies África do Sul: diferente de tudo!

Qual é o perfil dos alunos na Cape Studies?

Acredito que a maioria estava na casa dos 20, mas tinha muita gente que já tinha passado dos 30 também. A maioria eram alemães, depois brasileiros. Mas, era diversificado: encontrei pessoas da Angola, Japão, Holanda, França, Gabão, Arábia Saudita, Turquia, Suíça, Peru, Espanha…

Como você avalia a sua evolução no inglês?

Foi uma grande evolução. No início, tinha grande dificuldade em me comunicar com as pessoas. Depois isso melhorou bastante, conseguia conversar mais tranquilamente. Às vezes a gente dava aquela “fingida” que entendeu, mas quem nunca, né? Hahaha. Eu sei que tenho muito que evoluir ainda, foi um grande passo e tenho muito o que aprender!

Depoimento: Intercâmbio na Cidade do Cabo por 3 semanas
Intercâmbio em Cape Town
Foto: Lucas Pessôa/Arquivo Pessoal

Como foi o atendimento da agência Descubra o Mundo?

Foi ótimo, super recomendaria. A Jaque é a meeeeeelhor pessoa para se fechar um intercâmbio. Sério. Acredito que a Descubra o Mundo tem um custo-benefício melhor que as outras agências e eles são super atenciosos.


Anote todas as dicas do Lucas e prepare suas malas para a África do Sul. A equipe da Descubra o Mundo pode ajudar você com todos os preparativos do intercâmbio. Descubra Cape Town.